Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Retrospectiva 2010 - Cultura geral


Chegamos na ultima parte da retrospectiva 2010 com pequenos comentários sobre o que mais chamou à atenção neste ano:

O melhor:

2010 foi o ano das loiras começou com Ana Hickmann e terminou com Juliana Salimeni (Juju Paniquet) - eleita a mulher mais sexy do mundo, convenhamos ela merece, seu corpo parece ter sido esculpido pelo próprio demônio. Enquanto que a loira de Record tornou-se ela mesma uma marca a ponto de sua presença na emissora ser tão importante que supera a baixa audiência de seu programa.
A Espanha consolidou-se como potência esportiva dominando quase todos os esportes que participa, uma das exceções foi a Fórmula 1, vencida pelo alemão Vetel da Red Bull em um dos campeonatos mais disputado desde o fim da era Senna/Proust/Mansel (porém sem talentos similares).
Na política São Paulo mandou uma mensagem para o PT "aqui esta corja não entra" o paulistano provou que não se vende, de quebra o segundo melhor governador da história de São Paulo está de volta Geraldo Alckmin irá assumir em Janeiro para mais oito anos de mandato (lógico que ele será reeleito). Para quem ficou curioso o melhor da história foi Mário covas.
Aécio Neves consolida-se como o principal nome da oposição e irá fazer muito barulho no senado, além de ter promovido uma das mais sensacionais viradas da história da política. As relações internacionais do brasil deram uma azedada, os líderes mundiais descobriram (com atraso) quem é o Lula.
A psicanálise ameaça entrar em moda com a minissérie global de qualidade mediana "Afinal o que querem as mulheres" e com a participação de um psicanalista na novela das oito.
Nunca na história deste país (desculpem pelo trocadilho) os amantes da cultura pop foram tão felizes a quantidade de mangás lançados é inédita desde séries completas, títulos mais ousados (como Tenjho Tenge) até edições únicas que fogem completamente do "gosto popular" (se é que gosto popular existe) como o caso de 1 litro de lágrimas. 2010 foi o ano em que a Paris filmes trouxe "Evangelion: Você (não) está sozinho" para o brasil em uma edição dupla e caprichada.
Os Comix continuam fortes e tivemos o filme "Homem de Ferro 2" - um pouco inferior ao primeiro mas ainda muito bom com as menções aos filmes de Capitão América e Tor. E a Conrad lançou a terceira edição de "Fritz the cat" de R. Crumb.
Mel Gibson retornou para frente das câmeras com o ótimo "O fim da Escuridão". O terror francês deu as caras com "Vertigem"; por falar em terror temos dois pseudo-comentários: "Atividade paranormal" e "Contatos de 4 Grau".

O pior:

Se é verdade que os homens preferem as loiras, as morenas escolheram as representantes erradas. A musa da copa, a paraguaia, Larissa Riquelme tem cara de rato. A outra morena que se destacou foi a panicat Nicole Bahls. Diferentemente de Juju, Nicole é feia, tem voz de homem, é sem graça e extremamente vulgar. Para piorar a situação a garota fez uma das playboys mais sem graça da história. Por falar em playboy Larissa Riquelme protagonisou a capa mais feia dos últimos anos da revista.
Na F1 os brasileiros passaram vergonha, Massa protagonizou uma choradeira sobre injustiça, mas devemos lembrar que na época em que Massa corria pela Sauber ele recebeu uma ordem de dar passagem para seu então companheiro de equipe Heidfeld e ignorou a ordem, nesta temporada ele mudou de ideia. Digamos apenas que 2010 foi o ano em que Felipe Massa virou o Rubinho. Por falar neste Barrichello provou mais uma vez que é um fracassado Já Lucas di Gassi e Bruno Senna não tiveram nem oportunidade de mostrar serviço.
Na política o rebanho mostrou-se numeroso, os animais que se vendem por pouco elegeram a Dilma em uma das campanhas mais vergonhosas (de ambos os lados) da história. Nunca na história deste país houveram tantas ofensas, farsas e mentiras na TV. Como consequencia desta eleição tivemos uma leve onda de preconceito contra nordestinos.
Os amantes da cultura pop tem todos os motivos do mundo para invadir a sede do Animax e atear fogo em seus executivos, o canal que no mundo civilizado exibe animes tornou-se um canal de seriados aqui nesta pocilga que chamamos de brasil.
Os dois filmes baseados em vídeo games do ano "Teken" e "The King of fighters" são sofríveis, Jhona Hex foi lançado diretamente em DVD e para piorar Quentin Tarantino não lançou nada neste ano.

Entre 2009 e 2010 tivemos o Bum de "Avatar" aqui James Cameron dos ótimos "Exterminador do Futuro 1 e 2"; "Aliens o Resgate" e "True Lies" refilmou "Dança com Lobos" e pintou os índios de azul. Para piorar ele popularizou o 3D foi outra praga, graças a nova tecnologia (desenvolvida na década de 70) os efeitos ficaram mais importantes do que os filmes.

Em 2010 Tim Burton errou feio em seu Alice lá quase nada funciona desde sua esposa como rainha vermelha até Jhonny Deep está er... "normal" apenas o gato risonho se salva, o que é pouco em se tratando de um gênio como Burton.
O jornalismo brasileiro nunca esteve tão sanguinolento a Record exibe cenas de cadáveres no horário do almoço enquanto Percival comenta o óbvio ressaltando a (falta de) inteligência de seus espectadores.

Um comentário:

  1. Excelente retrospectiva! , um pouquinho parcial , mas lembrou de excelentes momentos no ano!
    TE seguindo aqui
    http://medicinepractises.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...