Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quarta-feira, 30 de março de 2011

Chora petista: Nova interpretação da ficha limpa começa a gerar frutos para o brasileiro ou “Eu não presto melhor que os outros.


Começo a ter vontade de voltar a escrever brasil com “B”, mas ainda não irei me precipitar, este momento de inspiração e sorriso com nosso pais se dá pela nova interpretação da “Lei da Ficha Limpa” – criação de Indio da Costa do DEM.

Como vocês devem saber os eleitos para a câmara dos deputados se dá pelo índice do coeficiente eleitoral. Simplificando calcula-se o número de votos de cada partido e a quantidade de votos deste partido abre vagas para outros políticos do mesmo partido que não seriam eleitos. Simplificando mais um pouco: ao votar em A seu voto pode ser utilizado para eleger B, sem que este tenha muitos votos.

Bom, com a lei da ficha limpa alguns candidatos foram caçados, com isto seus votos foram anulados e estes políticos que entraram por tabela foram caçados cedendo seus indevidos lugares para outros políticos. O que me dá esperança é o fato do PT ter o maior número de políticos “ficha suja” eleitos nossa que surpresa! Com a cassação de três políticos. Os petistas Luci Choinaki (SC), Professora Marcivânia (AP) e Ságuas Moraes (MT) devem ser substituídos, respectivamente, por João Alberto Pizzolatti (PP-SC), Janete Capiberibe (PSB-AP) e Nilson Aparecido Leitão (PSDB-MT).

No caso de Mato Grosso, a dança das cadeiras entre um petista e um tucano se dará por 2.098 votos de um terceiro candidato, o ex-policial militar Willian Dias (PTB), condenado em 2005, em segunda instância, pelo homicídio de dois menores.

Em Santa Catarina, a validação dos 133 mil votos de Pizzolatti fará com que as vagas conquistadas por sua coligação aumentem de duas para três. No jogo de perde e ganha, o número de cadeiras do PT cairá de quatro para três.

No Amapá, a troca de lugares se dará no interior da mesma coligação: Marcivânia cairá para a primeira suplência porque não mais serão considerados nulos os 28 mil votos da mulher de João Capiberibe (PSB) que também assumirá uma vaga no Senado graças à decisão do STF.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ainda não recalculou o número de votos válidos da eleição. Vários candidatos barrados com base na Lei da Ficha Limpa concorreram após obter recursos na Justiça. Seus votos foram considerados nulos, mas agora terão de ser contabilizados. É pouco provável que isso altere bancadas de outros Estados.

Os petistas estão revoltados, chamando a medida de retrocesso, como o STF ousa punir criminosos? Os petistas concordam que criminosos possam ser punidos, desde que não sejam petistas: “Ai se poderia perguntar: ‘mas, se ninguém presta, por que votar no PT e não em outros que não prestam? ’ E um petista poderia responder: ‘Porque a gente não presta melhor do que os outros’”. (Reinaldo Azezvedo).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...