Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

segunda-feira, 21 de março de 2011

Danielle Harris


A nova face do horror é uma tampinha de 1.52 m com rosto angelical chamada Danielle Harris uma scream queen á moda antiga.
Já falei aqui das Scream queens resumindo são atrizes dedicadas ao gênero terrorífico, invariavelmente elas acabam sendo atacadas pelo assassino da vez (ou seja lá que monstro for) não é necessário muito talento dramático para ser uma scream queen basta ter uma boa garganta e simular uma relação sexual em cena. É ai que Danielle se diferencia.
A garota adora participar de filmes de terror, ela vive correndo e gritando pelos sets de filmagem, diferentemente de outras rainhas do grito Danielle não é fresca e mostra os (pequenos mas charmosos) seios em quase todos os filmes. Sim meus amigos, Danielle Harris é uma scream queen clássica com o bônus de ser talentosa.
Convenhamos para correr pelada gritando por um set de filmagens não é necessário muito talento certo? Danielle discordaria. A garota é sempre elogiada por sua interpretação a nudez é apenas um elemento a mais, neste momento formulo dois pensamentos: 1) Ainda existe muito preconceito com os filmes de terror, se a garota fizesse drama ela seria muito mais conhecida; 2) Este excesso de pudor nos filmes de terror de hoje em dia onde a recusa de novas atrizes em ficarem nuas revela sua total falta de talento e por isto o medo em ficarem conhecidas como um corpo bonito sem nenhum talento dramático, no fundo é exactamente isto que muitas atrizes são, Danielle é exceção e não regra.
Daielle nasceu em Daytona Beach, mas cresceu em Queens, ao lado de sua mãe, Fran, que passou a religião a filha, o judaísmo. Ela começou em Nova Iorque, onde ela ganhou um concurso de beleza ainda criança, no entanto, ela apenas se profissionalizou depois de um tempo, quando passou a estrelar comerciais.
Ela foi uma das screan queens mais novas do cinema, seu estreia deu-se aos 11 anos em "Halloween 4" de 1988 vivendo a sobrinha de Michael Miers, ela retornou á franquia em "Halloween 5" e nas duas versões de Robie Zumbie como Annie Brackett, a filha do xerife. A pesar de ter passado dos 30, pequenininha ela parece uma adolescente o que garante longa vida para uma screan queen.
Na década de 90 ela participou de "Lenda Urbana" - filme produzido na onda de "Pânico" - Lenda... é um dos mais fracos desta franquia, mas é divertido. Ela ficou algum tempo afastada dos filmes de terror até Robie Zumbie convida-la para seu Holloween, Ela retornou na sequência.
Como a boa filha a casa torna Danielle encarou uma sequência de produções terroríficas como o confuso/esquisito "Noite Sangrenta" (Blood Night: The Legend of Mary Hatche 2009); "Terror no Pântano 2" (Hatchet 2) continuação esperta do divertido "Terror no pântano"; Cyrus - A mente de um assassino (que eu não consegui assistir).
Sem contar os filmes ainda não lançados "Stake Land"; "Night of the Living Dead: Origins 3D"; "Shiver"; "The Victim" e "ChromeSkull: Laid to Rest 2" - todos em pós produção.
Como ultima curiosidade na década de 90 Danielle vivem uma verdadeira experiência terrorífica. Ela recebia periodicamente cartas ameaçadoras de um fã enlouquecido, este fã foi preso na casa de Danielle carregando uma arma e um ursinho de pelúcia... a vida imita a arte.


os filmes da Danielle são difíceis de se encontrar, eu coloquei os links dos que eu achei, todos legendados (lógico) - abaixe e comprove por si só o talento desta Screan Queen:

Halloween 4
Halloween 5
Lenda Urbana
Halloween de Robie Zombie
Halloween 2 de Robie Zombie
Noite Sangrenta (Blood Night: The Legend of Mary Hatche 2009)
Terror no Pântano 2 (Hatchet 2)

2 comentários:

  1. que mulhe linda *o*~~

    -deuatévontadedeverosfilmes T_______T

    ResponderExcluir
  2. Desses filmes indicados só ñ vi o "Terror no Pântano 2", vou baixá-lo, vlw..abs!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...