Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Reta final do paulistinha e o futebol regional pelo brasil

Pois é o paulistinha, este campeonato insonso e sem propósito, está chegando ao seu final, mas não sem surpresas: o Palmeiras considerado o mais fraco dos quatro grandes surpreende e mesmo sem encantar fez uma campanha invejável; meu São Paulo renasceu no melhor estilo Jason. Mesmo assim me deixa com um pé atrás por ser o time grande com maior número de derrotas; algo acontece com o Santos o time que encantou ano passado nos deixa com uma interrogação no rosto já o corinthians joga como qualquer time do Tite.

Vamos lá: campeonatos regionais já foram espetáculos hoje em dia atrapalham o campeonato brasileiro - que também não é lá grande coisa. O carioca que é o mais charmoso e o paulista o mais disputado são campeonatos fracos e enganosos. Veja o Flamengo invicto, porém sem empolgar armado com a grande fraude do futebol mundial, Ronaldinho Gaúcho, não deve disputar o título nacional, o Corinthians apresentou Adriano, o imperador deposto, e foi derrotado pelo São Caetano.

E a Portuguesa? Está merece um parágrafo só seu, a lusinha (forma carinhosa e não depreciativa) sempre bate na trave. Na série B joga bem, ganha fora de casa e quando precisa é goleada em casa, no paulistinha não é diferente quando se classificavam quatro times ela ficava em quinto, agora que se classificam oito times para a segunda fase ela conseguiu no sufoco a ultima vaga.

Agora vamos esperar pelo mata-mata (sistema medíocre, o qual vou falar em outro post) para chegarmos ao grande campeão de um pequeno campeonato. Hoje como estão São Paulo, Corinthians, Palmeiras, Santos, Flamengo, Botafogo, Vasco e Fluminense quais destes tem chance de vencer o brasileirinho?

Para fugir destes oito os campeonatos mineiro e gaúcho possuem dois times - por falar nos gaúchos Falcão é o novo técnico do Internacional, o Grêmio vai de qualquer jeito na libertadores, o galo mineiro é aquele time que todo ano falamos "agora vai" e nunca vai e o Cruzeiro? Arrasador como sempre sem nenhuma estrela, o problema da raposa é este falta alguém que decide na hora h.

E o que falar dos times nordestinos? Seus estaduais não acarretam nenhum interesse nos demais estados, enquanto nossos estaduais são acompanhados por eles, seus clubes jogam em campos lotados por torcedores apaixonados que se contentam com migalhas (como todo bom brasileiro) enquanto no brasileiro disputam para não cair. É até engraçado os clubes nordestinos se esforçam para subir da série B para cair no ano seguinte.

A nota realmente triste fica por conta do rebaixamento do América no carioca, uma pena por todo seu passado e seus torcedores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...