Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Politicamente incorreto ou a arte de ser um filho da puta


Estes dias encontrei na "Revista VIP" uma matéria no mínimo interessante "38 coisas que todo homem deve fazer antes dos 30 anos" é politicamente incorreta, machista, fútil ou seja tudo aquilo que é condenável hoje em dia, por isto de leitura obrigatória.
Claro que este "todo homem deve fazer" dá uma conotação normativa a matéria, mas sabendo ler este belo "guia" o leitor terá uma ideia do que é ser politicamente incorreto.
Ao contrário do que nos é passado não existem problemas em ser um filho da puta desde que não sejamos apenas um sacana, pode-se alternar momentos francos, de bom mocismo com espetaculares momentos de filha da putice. Não existe nenhum problema com nosso lado: egoísta, invejoso, sádico ou puramente destrutivo desde que existam outros lados. Uma pessoa boa, correta, certinha, educada que ajuda velinhas a atravessar a rua 24 horas por dia está muito doente, precisando de ajuda urgente.
Vamos a matéria: Ela já começa com a seguinte sugestão "sair com a melhor amiga de sua ex." criancice? Pode ser, mas todos nós temos um lado criança e não estou cogitando o mais importante não existe sexo sem duas pessoas, se você transar com a melhor amiga de sua ex. saiba que esta mulher estará transando com o ex. de sua melhor amiga.
Aliás, a sexualidade está presente nesta lista (como toda matéria da VIP) "transar com sua melhor amiga"; "trair a namorada"; "transar com duas ou mais nas mesmas 24 horas" e "sair para transar durante o expediente". Vamos por partes - o caso da melhor amiga pode modificar para sempre sua relação, não é mesmo? Bobagem a pessoa que somos hoje já é diferente da que fomos ontem, nada será igual para sempre e vale a mesma regra da amiga de sua ex., ninguém transa sozinho.
Trair a namorada? Talvez não exista nada mais contrário às estruturas sociais. As regras sociais baseiam-se nos 10 mandamentos, um deles é a fidelidade, nossa cultura é judaico-cristã e prega a fidelidade. Eu não traio, mas não condeno quem traia desde que esteja pronto para assumir uma traição de sua parceira com a mesma facilidade com que traiu. Voltando as normas sociais, a traição é socialmente aceita pelos seus amigos, o que comprova a fragilidade de tais regras. Ou como diria Nietzsche "o concubinato foi corrompido pelo casamento".
Transar com duas nas mesmas 24h. Você prometeu amor eterno e fidelidade para alguma delas? Já sair para transar durante o expediente pode ser arriscado a final você está traindo um compromisso firmado, o qual o rompimento não é socialmente aceito, cuidado.
O item mais sensacional é a sugestão de criar um perfil falso no twitter, politicamente incorreto. Nos dias de hoje falar o que se pensa pode ser perigoso, desperta inveja. Todos gostariam de fazer o mesmo, mas estão acorrentados pela moral de tal forma que não se permitem "este luxo" basta ver o exemplo de Charlie Sheen a necessidade de um perfil falso só denuncia este moralismo em que vivemos, por que não dar uma “escapadinha eventual”? 
A revista também trás outras irresponsabilidades para serem feitas algumas divertidas, outras fúteis. Todas elas levantam a mesma questão "por que não"? Saibam que onde existe pensamento não existe culpa.
A matéria "38 coisas que todo homem deve fazer antes dos 30 anos" está na Revista VIP ano 30, número 6 - edição especial de 30 anos com Maria Mello na capa, Junho de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...