Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Evangelion está de volta as bancas

No começo do ano a JBC já havia lançado as edições 23 e 24 do mangá de Evangelion, no mesmo formato da Conrad, a única diferença estava no logotipo o tornando mais próximo da edição japonesa. Respeitando assim o leitor.

O que parecia bom está ficando ainda melhor, como se não bastasse Evangelion voltar as bancas brasileiras a JBC o está relançando em uma "Edição Especial" ou a série devidamente encadernada. Quando foi lançado pela conrad cava volume era dividido em dois exemplares com 90 a 100 páginas; a JBC está relançando cada edição com média de 200 páginas cada - como faz com todos os seus mangás.

Rigorosamente falando não existem diferenças do que já foi publicado, temos os mesmos extras dos mangás da Conrad com a diferença das edições atuais serem mais bonitas, uniformes e de uma única cor, o relançamento também é bom para quem não conhece Evangelion. O ponto negativo fica pela ausência das páginas coloridas que a JBC lança em preto e branco. Se não fosse por este pequeno/grande detalhe o mangá seria perfeito.
Já falei sobre Evangelion aqui, por isto não vou entrar em detalhes, porém julgo interessante traçar as diferenças básicas entre animação e mangá.
Evangelion surgiu da depressão Hideaki Anno, que precisou escrever o roteiro e dirigir a série para exorcizar alguns fantasmas. A Gainax, empresa detentora da marca, decidiu criar um mangá paralelamente ao anime, este ficou por conta de Yoshiyuki Sadamoto designer da série e amigo de Anno.

Sadamoto cria o mangá em cima do script original da série (escrito por Anno) o que muda é o ponto de vista, o mangá é um pouco mais direto do que o anime, Sadamoto tentou simplificar o tema ao mesmo tempo em que enfatiza os sentimentos das personagens. Até mesmo pela diferença de mídias o mangá possui narrativa mais lenta e podemos conhecer um pouco mais as personagens e seus mundos particulares.


Enxergar ecos do mangá nos novos filmes de Evangelion que exploram um pouco mais esta relação. Por exemplo no anime a relação entre Shinji e Rei não se aprofunda após ela sorrir para Shinji, quando Rei se apaixona Shinji só percebe tarde demais. Já no mangá esta relação é explícita com os dois saindo juntos em um encontro romântico pela NERV.
A Edição Especial de Evangelion já está no seu terceiro volume, ainda dá tempo de correr e comprar o primeiro em lojas especializadas ou encomendando com algum jornaleiro. Cada edição custa R$ 10.90 e vale cada centavo.

2 comentários:

  1. Evangelion é demais velho, além do mangá, gostei muito do anime. Tenho uma réplica do eva aqui em casa. Um abraço e tudo de bom Diego.

    ResponderExcluir
  2. MUITO BOM. EU JÁ CURTIA EVANGELION ANTES DESSA MENINADA DE HOJE SAIR DAS FRALDAS. E ESSA NOTÍCIA É DEMAIS, POIS QUEM NÃO CONHECE A SAGA, VAI TER UMA OPORTUNIDADE ÚNICA. ABRAÇOS.

    PASSA LÁ:
    http://thebigdogtales.blogspot.com/2011/12/era-noite-parte-02.html

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...