Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

sexta-feira, 8 de junho de 2012

O racha no PT




Alguns eventos são significativos, algumas atitudes costumam valer mais do que palavras e até mesmo o silêncio diz muito mais do que certas palavras. Tudo isto só para introduzir o assunto deste post e o evento que o desencadeou. O boicote de Marta Suplicy na formalização da candidatura de Fernando Haddad na sábado, dois de junho, como deixei claro a ausência de Marta não foi a causa deste racha, mas apenas o evento que escancarou o que acontece dentro do PT.

Se nós nos lembrarmos de outras eleições, onde a Marta optou por Lula contra seu ex-marido, Eduardo Suplicy, o senador esteve presente em toda a campanha de Lula, visando o bem do partido. A atitude de Marta, não apenas constrangeu os petistas, como revelou um pensamento “O ParTido que se dane, eu sou mais eu” algo comum em todos os partidos, mas que os petistas se gabavam de não haver dentro do PT. Acreditando que todos os seus políticos estariam unidos pelo bem do partido e do brasil.

Marta não apenas faltou, como não deu nenhuma satisfação, questionado Haddad respondeu: “Fiquei chateado, né? Todos nós gostaríamos que ela estivesse aqui”. Ao ser questionado se a senadora deu alguma justificativa, Haddad foi seco “não”; já o presidente municipal do PT, vereador Antonino Donato, foi menos elegante ao ser questionado sobre a falta de Marta “Pergunta para ela”.

O boicote de Marta foi um pouco mais elaborado do que apareceu nos jornais, a senadora confirmou sua presença, mas não foi. Ela e seus assessores desligaram os celulares provocando mais constrangimento nos presentes. Eduardo Suplicy declarou que ela chegaria “a qualquer momento” e o deputado Paulo Teixeira publicou no Twitter que ela estava presente. Que mico hein?

A ausência de Marta escancarou o racha no PT de São Paulo, evidentemente ela irá integrar a campanha de Haddad, mas sem muito entusiasmo, assim como aconteceu com Aécio Neves na campanha de Serra em 2010, ao mesmo tempo seu silêncio revela o ponto fraco de Lula, seu machismo, Lula lançou a Dilma tendo certeza que a controlaria, não demorou em perceber seu erro, a opção por Haddad reafirmou o machismo de Lula, acreditando que Marta faria o que ele quisesse.

Mesmo quem não gosta da Marta e não simpatiza com o PT estranhou a opção por Haddad, pode ter sido um ato de arrogância de Lula, certo que poderia eleger quem ele quisesse. O ex-presidente insinuou que Marta estivesse ultrapassada em entrevista ao programa do Ratinho. Antes da entrevista ao programa do “pequeno rato” Marta estava decidida a participar da campanha, porém a senadora não gostou de ser chamada de “velha”.

O racha no PT vai além de São Paulo: Em Recife Lula decidiu que o prefeito João da Costa não vai disputar a reeleição em Pernambuco, não para por ai, João da Costa venceu as prévias do partido, mas acabou interditado por Lula. O ex-presidente fez um acordo com o PSB para ter o apoio em São Paulo o preço é o apoio do PT ao PSB em Recife. Outro demonstrativo do racha foi a aprovação da CPI do Cachoeira por Lula, passando por cima de Dilma, que era contra a comissão parlamentar.

Caso Haddad perca as eleições Lula pode estar com uma bomba nas mãos. E agora? Até onde vai este racha?


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...