IX Anos de Os Deuses Mortos

Os Deuses Mortos Nove Anos

domingo, 12 de agosto de 2012

Porque os rodeios devem ser proibidos!




































Agora em 16 de Agosto terá início a “Festa de Peão de Barretos” um evento tão controverso como cruel. Neste espírito decidi descer do muro e tecer minha opinião. Antes de tudo é necessário conhecer os motivos certos para ser contra esta “festa” – muitos criticam os rodeios por ser uma festa americana, este ponto de vista é apenas uma desculpa para o preconceito. Seguindo o método científico primeiramente irei derrubar os argumentos que são a favor dos rodeios:

Um dos argumentos mais medíocres dos defensores da festa dos rodeios é que estes eventos já fazem parte da cultura regional, mentira as touradas da Espanha ou a corrida dos touros de Valência são eventos culturais, que dizem respeito a toda a história de um povo, a festa de Barretos é apenas um bom negócio disfarçado de cultura.
Os primeiros rodeios foram realizados no brasil em 1947, 65 anos é muito pouco tempo para se constituir uma tradição, apenas como parâmetro as touradas tiveram início no século III A.C a festa espanhola é uma tradição cultural, os rodeios não e quem usa deste artifício não é apenas desinformado como mostra-se profundamente ignorante.
A principal defesa dos defensores do rodeio é a economia. A festa de Barretos injeta R$ 400 milhões na cidade, se olharmos com atenção o que chama dinheiro são os shows dos sertanejos, a campanha publicitária e eventos paralelos como a miss Barretos (ou qualquer nome que ela receba) vamos por partes.
Primeiramente os shows: não existe nenhuma regra instransponível e inquebrável que obrigue que shows sertanejos em conjunto com os rodeios. E não estou levando em conta que estes cantores estão sempre sorrindo e contando piadas sem graça quando aparecem na televisão, eles se passam por alegres e simpáticos ao mesmo tempo em que apoiam a tortura de animais. Pouco tempo atrás Zezé di Camargo e Luciano brigaram em público e destilaram sua falsidade nos programas de televisão na semana em que se seguiu afirmando se amarem. Outro exemplo foi à piada de Rafinha Bastos com Wanessa Camargo e seu filho, os sertanejos se uniram contra o comediante. Quer dizer que tudo bem torturar um animal para se divertir, mas contar uma piada não pode.
O dinheiro: Muito da publicidade envolvida vem de interesses políticos, esta é uma boa chance de o prefeito se promover (direta ou indiretamente) e ainda ficar bem com quem paga sua campanha eleitoral – a equação é simples se existe um evento onde eu posso vender minha mercadoria (desde cerveja até propostas de investimento em um banco qualquer) eu irei apoiar qualquer político que se mostre a favor da festa. Em épocas de julgamento do mensalão é bom lembrar: interesses políticos andam junto com a corrupção.
Eventos paralelos como a eleição de uma miss apenas erotizam o evento o tornando mais atrativo, excitados os espectadores entram na festa mais facilmente. Esta não é uma crítica, mas uma estratégia publicitária diretamente relacionada à questão dos investidores. É mais fácil vender uma marca que está associada ao sexo.
Mas como acabar com os rodeios sem que a cidade perca dinheiro? Porque não fazer uma festa sertaneja? Teríamos o mesmo calendário, os mesmos artistas e as mesmas garotas competindo pelo merecido título de “a mais linda” sem a brutalidade.
Os rodeios são uma prática cruel em que os touros, cavalos e outros animais são torturados com choques elétricos e/ou tem seus órgãos sexuais (entenda o saco) apertados para ficarem furiosos e assim o peão pode se exibir.
A pior prova é a do laço, um peão montado a cavalo persegue um bezerro, o peão laça o animal, o derrubando e em seguida amarra suas patas. O objetivo deste “esporte” é amarrar o bezerro no menor tempo possível, muitos bezerros acabam morrendo (aqueles que têm sorte) outros ficam tetraplégicos sofrendo terríveis dores. Pensando nesta crueldade Ricardo Tripolli (PSDB-SP) criou o projeto de lei 2086/2011 proibindo qualquer prática que envolva “perseguições seguidas de laçadas e derrubadas”.
Ainda não se convenceu? Seguem algumas imagens da festa do peão:

Animal torturado em rodeio

Animal com os testículos amarrados

Bezerro com pescoço quebrado





Um comentário:

  1. OLá Diego, boa noite!

    Essas festas de Barretos me enojam. E quem as promovem não é gente!
    E essas imagens, me faz desejar gritar um palavrão,posso ?

    P Q P!!

    Boa postagem. A blogosfera bem que podia durante o tempo que durar essa festa macabra, fazer blogagens repudiando esse evento...Bombardear a net, de postagens de protesto...

    Linda noite , e feliz semana pra você, Diego!!

    Bjosss

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...