Anos de Os Deuses Mortos

VIII Oito Anos de Os Deuses Mortos

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Lula será investigado no caso do mensalão


Já não era sem tempo, depois de tantos escândalos; de tantas denúncias; depois de Zé Dirceu e sua turma serem condenados e depois do “eu não sabia” não colar mais Lula será investigado pelo ministério público.

Quem vem acompanhando o mensalão já sabe como Lula saiu de inocente traído pelos “amigos” a mentor, quem não sabe segue um breve resumo: Antes do julgamento do mensalão a cúpula petista garantiu impunidade para marcos Valério, este aceitou o acordo. Após a condenação Valério se arrependeu, temendo ser assassinado o publicitário começou a falar. Leia o post completo aqui.
 O Ministério público optou pela investigação após as denúncias de Valério de que o mensalão também foi utilizado para pagar despesas pessoais do ex-presidente. Segundo reportagem do Jornal O Estado de São Paulo o procurador geral da república Roberto Gurgel declarou que Lula não tem mais direito ao foro privilegiado.


O leitor mais incrédulo pode estar se perguntando “mas do que adianta investigar se ninguém é punido?” nesta semana um Haker divulgou dados pessoais de Cachoeira e dos condenados no julgamento do mensalão. Identificado apenas como “nbdu1nder” o usuário postou em seu twitter dados pessoais como RG; nome dos pais; número do telefone fixo; endereço e e-mail ao lado da mensagem: “Vocês escolheram o caminho errado. Sói restam as consequências, seus imundos” o haker ainda clama por uma mobilização social “já está na hora de algum movimento. Está na hora de parar de reclamar e ir as ruas”.
Os métodos utilizado são questionáveis, porém não a mensagem. Se os mensaleiros não serão condenados como nós gostaríamos, eles têm que se sentir desconfortáveis, envergonhados ao cruzar com alguém pela rua, no elevador, sentirem-se constrangidos ao irem a um restaurante ou lugares públicos e olharem na cara de quem eles roubaram. O que parece pouco é um grande passo para um país onde a corrupção é normal.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...