terça-feira, 4 de novembro de 2014

São Paulo Não reconhece a eleição de Dilma


Neste primeiro de novembro cerca de 30 mil paulistanos tomaram as ruas da principal cidade do país e saíram em um protesto contra a eleição da presidenta Dilma pedindo seu Impeachment baseado na delação premiada de Alberto Youssef afirmando que o ex-presidente Lula e a presidenta Dilma sabiam sobre o esquema de corrupção da Petrobras.
O evento organizado, principalmente pelas redes sociais, parecia não dar em anda, pois uma vez que as urnas foram fechadas o resultado da eleição está decidido, porém os brasileiros seguem indignados pela vitória as custas do coronelismo e clamam pela cassação do mandato da presidenta, que arrasta uma mar de corrupção atrás de si.
Os manifestantes levavas faixas de “Fora Dilma”;  “Vai pra Cuba” uma minoria gritava "Aécio 45", pedindo uma separação e a intervenção militar (que infelizmente ganhou atenção) – a força popular volta a clamar pela prisão da atual presidenta e a investigação dos escândalos de corrupção dos correios e da Petrobras.

Não eram apenas anônimos que se manifestaram, os roqueiros Lobão e Roger estiveram presentes e foram atualizando seus seguidores do twitter conforme a passeata se dava. Segundo informações da CET a multidão interditou a Paulista nos sentidos Consolação e Paraíso seguindo para a Brigadeiro Luis Antônio. Atos semelhantes foram realizados em Brasília e Curitiba.










Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Os Deuses Mortos" Sete Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...