quarta-feira, 17 de junho de 2015

Christopher Lee: o Eterno Drácula

 O mês de Junho foi marcado pela morte repentina de Sir. Christopher Lee, ator britânico marcado pelos vilões que desempenhou com maestria. Lee é o ator que mais vezes interpretou Drácula nos cinemas, vestindo a capa do conde no total de seis vezes, seus filmes tomavam licença poética da obra de Bram Stoker, porém sua interpretação é a que mais se aproxima do vampiro descrito nos livros: cruel, frio e aristocrático.
   Em 2009 foi consagrado cavaleiro real da corte inglesa, agregando o título de Sir, reconhecimento póstumo, Lee sempre ostentou a postura de um lorde inglês. Ator querido por fãs e diretores que sempre o convocavam para seus filmes virou o século com o status de cult e figura carimbada nos filmes de Tim Burton.
Seria cruel reduzir um ator tão versátil a um só papel, porém é impossível não associa-lo aos filmes da produtora inglesa Hammer e aos duelos de interpretação travados com seu grande amigo (já falecido) Peter Cushing.
Sir Christopher Lee se foi no dia 7 de Junho de 2015 no Hospital Chelsea e Westminster, em Londres, por insuficiência respiratória e Cardíaca. Assim como sua personagem máxima Lee é eterno, vive em seus filmes. Abaixo alguns de seus principais papeis no cinema:  

A invenção de Hugo Cabret

Charlie e a Fantástica Fábrica de Chocolate


Fu Manchu


Gremlins 2


Saruman em O Senhor dos Anéis


Francisco Scaramanga em
007 Contra o Homem da Pistola de Ouro

Conde Dooku em Star Wars


Drácula


O Homem de Palha



Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Os Deuses Mortos" Sete Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...