sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

O Apartamento de Lula



Em 2015 foi noticiado a existência de um tríplex no Guarujá  denunciado por Léo Pinheiro em delação premiada, segundo depoimento a empreiteira AOS, investigada pela Lava Jato, teria reformado o tríplex em favor devido a Lula. Semana passada o apartamento voltou ao noticiário.

A cobertura tríplex no litoral do Guarujá, orçado em 2.3 milhões de reais está envolto em questionamentos. Na época da descoberta do imóvel esse encontrava-se vazio reformado e mobiliado pela OAS, que haveria instalado um elevador exclusivo para Lula sem cobrar um único centavo.

Informações colhidas na operação Lava Jato provocaram estranhamento e suspeitas. De onde veio tanta generosidade? O promotor Cássio Conserino prepara-se para denunciar Lula por estelionato, ocultação de patrimônio e falsidade ideológica.

Em entrevista a Revista Veja Cássio Conserino declarou: “Lula foi contemplado com uma cobertura destinada a ele e reformada cuidadosamente para ele. Tudo pago pela OAS, em detrimento de centenas de famílias que pagaram pelos imóveis e foram enganadas pela Bancoop. Temos nesse caso a conjugação de vários crimes” – para entender a Bancop uma cooperativa habitacional dirigida na época por João Vaccari Neto (tesoureiro do PT) teria desviado dinheiro de pessoas comuns com o sonho de comprar sua casa própria e desviado esse dinheiro para reformar o apartamento de Lula.

Conserino continua: “Há fortes elementos, provas documentais e testemunhais, que mostram que o ex-presidente Lula e a ex-primeira-dama tentaram, com a ajuda da AOS, ocultar patrimônio e, por isso, incorreram no crime de lavagem de dinheiro. A empreiteira praticou crimes de estelionato, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica”.

O que Cássio Caserino disse a Veja foi que os investidores comuns perderam dinheiro com a Bancoop e ficaram sem suas casas enquanto Lula e Marisa teriam sido beneficiados por uma relação suspeita e cuidadosamente oculta. A acusação não tem relação direta com a Lava jato, mas só pode ser feita graças às investigações do Juiz Sérgio Mouro.

O casal ainda será denunciado e convocado a depor judicialmente. Em defesa Lula afirma não ser o dono do tríplex, segundo o ex-presidente havia uma opção de compra a qual não foi exercida.  O instituto Lula declarou: “os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva examinam as medidas que serão tomadas diante da conduta irregular e arbitrária do promotor Cássio Caserino, do Ministério Público de São Paulo. o promotor violou a lei e até o bom senso ao anunciar, pela imprensa, que apresentará denúncias contra o ex-presidente Lula e sua esposa, Marisa Letícia, antes mesmo de ouvi-los”.

O jornalista Reinaldo Azevedo averiguou que Lula declarou em Imposto de Renda ser dono de uma cota do apartamento do Guarujá e em 2010 sua assessoria confirmou que Lula era dono do imóvel. Leia a matéria completa aqui.

Aguardaremos o desenrolar das denuncias.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Os Deuses Mortos" Sete Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...