sexta-feira, 24 de junho de 2016

Encontrada Fotografia do Diabo

Alguns anos atrás o corpo de uma garota foi encontrado ao lado de uma enigmática fotografia que retrataria o capiroto, misteriosamente aqueles que se envolveram tiveram um fim precoce ou desapareceram sem deixar vestígio. Essa assustadora história ainda não solucionada segue assustando e intrigando até os dias de hoje. Vamos a ela.
Início: Um corpo é encontrado
Antigamente existiam internatos católicos para moças - escolas em período integral apenas para garotas onde além de estudar dormiam, conviviam com suas colegas e freiras, faziam suas refeições e aprendiam práticas religiosas do cristianismo.
Com o passar do tempo novas teorias da educação foram surgindo, a revolução sexual abrandou as normas de conduta celibatárias e tais internatos foram perdendo espaço para modernos colégios. Como resultado muitos fecharam e seus prédios foram abandonados ou usados para outras instalações. Foi em uma desses prédios abandonados localizado na cidade de Boston que descobriu-se um estranho corpo.
Uma vez fechado o prédio do internato ficou abandonado por décadas até ser demolido. Primeiro entraram as máquinas derrubando o grosso, em seguida os pedreiros foram botar a baixo as últimas paredes. Eles notaram algo estranho, uma parede continuava de pé. Após muito esforço conseguiram derruba-la e então ficaram estarrecidos com o que encontraram: uma garota emparedada.
Imaginem a surpresa desses trabalhadores ao descobrirem um corpo emparedado. Era uma garota loira, muito bonita com alguns pertences, entre eles uma máquina fotográfica.
Melissa e seu desaparecimento
A obra foi interrompida e a polícia chamada. Os jornais da época noticiaram com estardalhaço, se vocês procurarem ainda podem encontrar informações nos jornais americanos. Começou-se a busca, os policiais compararam a garota com fotos de meninas desaparecidas, mas nenhuma bateu.
Sem encontrar correspondência com desaparecidas recentes, os policiais expandiram suas buscas para casos não arquivados. Primeiro procuraram na vizinhança, ninguém sabia quem era a garota.
Haviam três mistérios a serem solucionados: quem é a garota; quem a matou e por que ela foi emparedada? Existem formas mais simples de se livrar de um corpo sem levantar uma parede em um prédio abandonado.
Foi aí que o detetive Fausto percebeu uma coisa estranha, os pertences da menina estavam datados, suas roupas não eram modernas como as de hoje, pareciam um uniforme, seus pertences datavam de trinta anos atrás. Vocês se lembram que foi encontrada uma máquina fotográfica? Essa estava desgastada pelo tempo e o filme corroído.
Intrigado Fausto começou a investigar e ao comparar os achados com antigos registros do colégio percebem que as roupas usadas pela menina coincidiam com o uniforme do internato. Ele tinha uma pista, ao buscar nos anuários acabou descobrindo que a menina se chamava Marian Melissa Taylor. Uma aluna do internato. Ai a coisa começou a ficar estranha.
O internato estava fechado, ele foi fechado em 1988, Melissa era da turma de 1982 e teria se formado em 1985. Teria pois nunca se formou. Em 1984 ela desapareceu. Na época foi feita uma busca pela garota que jamais foi encontrada.
Lendo os arquivos Fausto descobriu que Melissa era uma menina com muitos amigos, divertida e alegre que repentinamente começou a mudar. Ela falava que sentia-se observada, que tinha alguém atrás dela. Ela começou a ficar com medo.
Seu medo era tanto que as freiras vasculharam o internato em busca de algum terado, a polícia foi chamada, vistoriou o prédio e a vizinhança, mas nada. O internato era muito fechado e sem casas residenciais por perto, não tinha como alguém invadir. Mas Melissa continuava falando que era observada.
O ápice de sua paranoia aconteceu quando ela acordou gritando de noite “tem alguém no meu quarto” mais uma vez as freiras vasculharam o internato. Melissa começou a ser deixada de lado pelas amigas e freiras até desaparecer.
A Foto do Diabo
Tentando solucionar o mistério Fausto enviou o filme para Dra. Yumi, especialista em fotografias, que usando um programa de computador revelou o filme com exceção de uma foto. O filme mostrava Melissa se divertindo com as amigas, não tinha nada de mais, já a foto não revelada era assustadora.
Yumi usou um programa de computador que ela desenvolveu para escanear e otimizar os negativos da fotografia não revelada ela conseguiu um negativo ampliado: a imagem mostra Melissa assustada, sendo puxada por um sera com chifres apoiando sua mão direita sobre os ombros da garota. Melissa tentava fugir, mas era puxada por esse ser.

É ai que começa o verdadeiro terror a equipe forense começa a ser afetada pela foto. Quer saber o que aconteceu? Como Melissa morreu? Para onde foi a foto? O destino dos investigadores? Basta clicar aqui ou aqui e ler gratuitamente o conto “Inferno” – baseado em fatos reais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Os Deuses Mortos" Sete Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...