segunda-feira, 25 de julho de 2016

Mulher Maravilha e Liga da Justiça

A DC deu mais um show na Comic Com San Diego, Saíram o primeiro trailer da Amazona e as primeiras imagem da Liga da Justiça, já estou contando os dias para 2017, mas LJA me deixou com um pé atrás.
Começando com a princesa Diana, esse é aquele tipo de filme que tem tudo para fazer sucesso: as pessoas aceitaram e aprovaram Gal Gadod como a princesa das amazonas; sua personagem começou muito bem em Batman Vs Superman, roubando a cena; o filme supre uma lacuna – a falta de mulheres como protagonistas em filmes de super-heróis e de quebra Gal é excelente atriz.
Ambientado na primeira guerra mundial o trailer mostra uma Diana ingênua e guerreira, desconhecedora dos costumes dos homens e curiosa com o sexo forte, enquanto revela-se, ela mesma, mais poderosa que qualquer homem, chegando a enfrentar um exército sozinha. A ambivalência da personagem, até então, é perfeito.
A trilha sonora e fotografia clássicas sugerem um filme sério e sóbrio, com inserções cirúrgicas de humor; outro ponto forte é a tensão sexual entre Steve Trevor e Diana. O homem do meio do século XX e a mulher que não se deixa comandar, o amor impossível entre um soldado que não pode abandonar sua pátria e a amazona que deve evitar o mundo dos homens. Como pode não ser bom?
Se o drama dá o tom nesse trailer as cenas de ação são de arrepiar, diferente de Batman ou Superman a Mulher Maravilha não é nenhuma deusa ou criatura das trevas e sim uma mulher feminina e forte, sensual e poderosa, que não precisa renegar sua sensualidade. Mais uma vez a caracterização merece ser aplaudida de pé.
É interessante ressaltar a diferença dessa Mulher Maravilha para heroínas feministas que estão na moda. Aqui temos uma mulher com toda sua fragilidade humana, ela não sabe o que fazer com seus sentimentos quando conhece Steve Trevor, fica encantada e confusa com o mundo humano, nem por isso abaixa a cabeça, sendo independente e poderosa. Uma rainha e não uma dama de ferro inabalável. O Trailer de Mulher Maravilha promete um filme que prova que é necessário ser frágil para ser forte, independente se estamos falando de homens ou mulheres.
O trailer ainda dá indícios de uma Diana espiã, vemos ela em uma festa, conhecendo generais, vestida a paisana, enquanto Trevor lhe mostra o mundo. Como e se o filme vai tratar esse lado já é outra história, agora Mulher Maravilha promete ser “O Filme” de super-heróis de 2017.
Trailer aqui.

Teaser de Liga da Justiça

Outra boa promessa e boa surpresa. O teaser começa dramático e sombrio, como os primeiros trailers de Homem de Aço e Batman vs Superman dirigidos pelo mesmo Zack Snider, Bruce Wayne (Bem Affleck, perfeito) procura por um homem misterioso em uma vila de pescadores, mas logo entra um solo de guitarra, sugerindo uma produção mais marvetinha.
Após a morte de Superman Wayne procura novos heróis começando pelo Aquaman, de caracterização monstruosa, interpretado por Jason Momoa, muito diferente daquela versão dos Super Amigos; seguido pelo Flash, perfeito enquanto comediante da turma, disparando duas ou três piadinhas a cada fala. Até ai são só aplausos.
Mas então, qual o problema? Começando pelo diálogo engraçadinho entre Diana e o morcego ela pergunta se Aquaman foi recrutado, Bruce diz mais ou menos e faz uma cara engraçada, muda para um cena onde ele é erguido pelo colarinho pelo rei de Atlantis. Diana retribui com ironia. Me desculpem. Esse humor até cabe, mas estamos acostumados a ver essa mesma dinâmica à exaustão nos filmes da Marvel, por vezes enfraquecendo a trama devido ao excesso.
Esse  Batman parece ser menos sombrio, mas indolente, ele desafia Aquaman, felizmente deixa claro não querer amiguinhos, mas sim uma equipe; outro ponto forte é a tensão entre ele e Diana. assim como na Origem da Justiça parece que os tiveram um romance no passado. Convenhamos, se existe um homem com saco roxo o suficiente para pegar a Mulher Maravilha, esse homem é Bruce Wayne.
Quem rouba a cena é o Flash como adolescente bonachão, que não sabe onde está se metendo, em um momento muito engraçado Bruce Wayne atira um batmerangue no rapaz, que desvia, aqui vemos Batman agindo como Batman e Bem Affleck calando (mais uma vez) os críticos.
O ciborgue aparece pouco, frustrando seus fãs, porém seu visual está incrível, fica impossível traçar qualquer possibilidade de personalidade. Quanto a formação da liga: Aquaman e Mulher maravilha deverão ser a força bruta; Batman o estrategista e Flash uma carta na manga, a ser usada pelo cruzado encapuzado. Que vai liderar a equipe.
Justiça seja feita (perdão pelo trocadilho) vendo mais de uma vez o teaser é bastante escuro e contém cenas de efeito, mantendo a identidade visual do universo DC nos cinemas. Esperemos ansiosamente por mais.
O filme em si mostrará o início da invasão de Apocolypse, onde parademônios invadirão sob o comando do Lobo da Estepe. Batman tem pouco tempo para reunir “pessoas com habilidades especiais” para proteger nosso mundo, agora órfão do último fiho de krypton.
Alguns boatos sugerem que Superman voltaria durante o filme, outros afirmam que ele voltaria no final do filme e existem aqueles que precisam que o kryptoniano voltará em outro filme: ou Homem de Aço 2 ou Liga da Justiça 2. Só uma coisa é certa, o campeão da Terra não ficará morto.
O teaser não faz menção ao super, mas está subentendido, sem ele Bruce Wayne precisa reunir uma equipe de seres poderosos para tentar substituir o  azulão. Por sua vez o retorno do mundo dos mortos terminaria o ciclo iniciado em Homem de Aço – Superman deixaria a imagem de falso deus para tornar-se o símbolo máximo da esperança, salvando o mundo e, quem sabe, tornando-se amigo de Batman.
Em uma das passagens mais engraçadas dos quadrinhos da DC Clark comenta com sua mãe que sente-se só em Metrópolis, por ser um herói de identidade secreta ele está sempre só, sua mãe sugere o Batman, Clark sorri dizendo: “Ele não é do tipo que faz amigos, além disso ele me assusta um pouco”. Se o humor da Liga da Justiça girar nesse tom está tudo bem, agora se for algo como Vingadores 2 que os deuses dos quadrinhos nos ajudem.   
Teaser aqui.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Os Deuses Mortos" Sete Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...