segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Baka To Test To Shoukanjuu

Baka to Test (como é mais conhecido) fala sobre uma sala de aula de perdedores; narra um pedaço da vida de Yoshii Akihisa um idiota com "I" maiúsculo e também nos surpreende sobre a virtude de ser um burro. Ficou curioso? Vai lendo.
Baka to Test to Shoukanjuu ou "Idiotas, Testes e Seres Invocados" (em uma tradução livre) é um daqueles animes que passaram, ele é de 2010, mas vale a pena retornar para uma visita pelo simples fato de ser muito divertido. Baseado em uma série de Light Novels o anime surpreende quem espera uma obra normal.
Ambientado  na Academia Fumizuki, um colégio que usa o sistema de premiação para incentivar seus alunos a estudarem, nesse sistema cada ano é dividido em cinco salas  de A a E sendo que a primeira possui poltronas reclináveis, biblioteca particular e cozinha própria; já a sala E carteiras de madeira. As posições devem ser conquistadas pelo mérito. Nessa obra acompanhamos as desventuras da Classe F - alunos tão burros que ficaram abaixo da nota de corte.
Outra característica do colégio: cada aluno possui um ser invocável, esse ser virtual duela com outros, seus pontos de força correspondem as notas que os alunos tiram nos testes - assim eles são incentivados a estudar - quando uma sala inferior derrota uma superior eles podem trocar de benefícios.
Como eu disse acima, nesse anime acompanhamos de perto a vide de  Yoshii Akihisa - o idiota do título, ele é preguiçoso e burro, uma das personagens mais burras dos animes, o cara vive com fome por gastar seu dinheiro em games e futilidades; se esquece de economizar; o animal usa um lápis com números marcados para responder as perguntas das provas (tirando sempre notas baixas) e ainda é apaixonado por uma garota que o ama em retribuição, mas não percebe!
Yoshii entre Himeji (dreita) e Shimada (esquerda)

Yoshii está na mira de duas garotas, as únicas da sala de aula, Himeji a típica garota meiga de cabelo cor de rosa e seios grandes. Do outro lado temos Shimada a garota violenta (também conhecida como Tsundere) sem muitas curvas, que vive de rabo de cavalo. As duas estão apaixonadas por ele e o cara não percebe. Olhe que as moças são bem óbvias elas o convidam para sair, fazem seu almoço, Himeji chegou a escrever uma carta de amor e entregar, mas Yoshii pensou que era para outra pessoa (vai ser burro assim no inferno)!!
Os alunos da classe F tinham tudo para serem os perdedores, sua sala de aula está destruía pelo tempo com paredes descascadas, portas quebradas. Cada aluno estuda sobre um engradado de suco. São todos o resto do colégio - com exceção das garotas: Himeji passou mal durante o exame de admissão e tirou zero; Shimada morou muito tempo fra do Japão e se esqueceu dos kanjis, já os demais são os piores alunos de todos, porém possuem seu carisma.
De início pensamos que eles seriam os rejeitados, mas tem sua popularidade o representante de classe, outro burro que diz ser contra provas, que por algum motivo é o alvo amoroso da representante de classe da sala A - a garota mais inteligente do colégio - que costuma prender seu amor em uma coleira e leva-lo para sessões duplas de cinema.
Temos ainda o Voyer; o rapaz bonito que seus
Duelo com Seres Invocáveis
amigos costumam vesti-lo de menina e assim distrair-se da ausência do sexo frágil na sala de aula e um grupo de encapuzados, que mantém algum tipo de seita.
Fora da sala de aula Shimada possui duas irmãs que vivem aparecendo uma apaixonada por ela (a garota vive tentando agarra-la a força) e a mais jovem que é o xodó de  Yoshii.
Com tudo isso você deve estar pensando "mas quantos clichês" sim, essa é a sacada do anime, sem trazer nada de novo ele brinca com os gêneros, seus episódios temáticos exploram e sacaneiam outros gêneros como o romance; o ecchi (animes eróticos); fantasia; estratégia e Yuri e Yaoi - homossexualismo entre mulheres e homens respectivamente, tudo na maior leveza, que você pode ver ao lado de sua avó.
Com alguns momentos hilariantes Baka to Test é um anime que cai mais para o cativante que para o engraçado, mesmo tendo algumas piadas muito boas, é como aquele tênis que ninguém dá nada, mas é muito confortável. Diversão garantida.
Seus 13 episódios são narrados de maneira descompromissada, o tom ideal para se divertir sem compromisso, se quiser um anime sério ou uma comédia escrachada procure outra coisa, mas se quiser ficar com um sorriso no rosto Baka to Test é um anime para você. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Os Deuses Mortos" Sete Anos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...